Você conhece a história da marcenaria?

Todos nós hoje convivemos com alguma forma de marcenaria nas nossas vidas, mas poucos conhecem a história da marcenaria. Você pode até pensar que não, mas a marcenaria está em diversos detalhes da nossa vida, nos móveis e utensílios que usamos!

Além disso, sua história é muito importante, pois ela se relaciona com o desenvolvimento da civilização propriamente dito.

A madeira é uma matéria prima que sempre esteve disponível para o homem desde o início das civilizações, afinal, as árvores estão no mundo muito antes de nós… Mas quando será que o homem começou a manipular a madeira e a transformá-la em objetos úteis?

Juntamente com a pedra, a cerâmica e restos animais, como ossos e couros, a madeira foi um dos primeiros materiais que foram utilizados pelos nossos ancestrais como ferramentas e utensílios, o que torna a habilidade do homem em manipular esses materiais um ponto chave no seu processo de evolução e desenvolvimento.

Aguçamos a sua curiosidade? Pois então continue lendo esse texto até o final para descobrir um pouco mais sobre a história da marcenaria e sobre como a madeira passou a fazer parte do nosso dia a dia de forma tão marcante!

A história da marcenaria em seu início

Em todos os registros de todas as civilizações que temos notícia, o homem sempre utilizou a madeira para a construção, objetos de decoração e ferramentas.

Temos exemplos de marcenaria com os povos Gregos, Egípcios, Romanos, Chineses, e muitos, muitos outros, com diferentes estilos e técnicas, mas sempre presente.

Temos registros de móveis feitos de madeira pelos egípcios que datam de 2000 anos antes de Cristo. Até na Bíblia existe um grande exemplo de marcenaria: a arca de Noé!

Os primeiros usos da manipulação da madeira para criar objetos partiam da necessidade da criação de ferramentas de caça, agricultura, pesca… enfim, de ferramentas relacionadas à sobrevivência.

E nada mais lógico do que utilizar um material disponível em abundância na natureza para confeccioná-las, não é mesmo?

Na medida em que o homem adquiriu melhores habilidades na marcenaria, outros empregos da madeira se tornaram possíveis, como a construção de móveis, casas, barcos… Com isso, as civilizações começaram a se desenvolver e a evoluir.

Como resultado, temos um legado enorme e um amplo catálogo e peças de marcenaria produzidas através dos tempos, que vão desde armas, móveis, casas e barcos, a templos, esculturas e caixões.

A marcenaria hoje

Hoje, o que fizemos foi incorporar a tecnologia na fabricação de ferramentas que nos permitem moldar a madeira com maior precisão e de formas ainda mais inovadoras.

No entanto, muito do que se faz hoje em dia é bem semelhante à marcenaria desde sua origem, pois a marcenaria é um processo bem artesanal, que depende principalmente de habilidade, escolha correta da matéria prima, e criatividade.

Outro elemento que transformou a forma como a marcenaria é encarada hoje foi a invenção de produtos que conservam a madeira e a protegem contra a ação do tempo.

Antigamente, muitas peças foram perdidas devido ao fato de que a madeira está sujeita à decomposição, o que não acontece hoje com tanta facilidade, dando ainda mais espaço para a madeira em nossas casas.

Se você quer saber um pouco mais sobre essa arte milenar que é a marcenaria, e tão importante para a nossa civilização, é só entrar em contato conosco aqui da Martelaria. Converse com a gente e entre de vez no mundo da marcenaria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *